Enxameação das Abelhas

Como evitar enxameação de abelhas

 

A proliferação natural e reprodução do apiário é chamada de enxameação. A enxameação normalmente ocorre durante a primavera ou início do verão (abril – junho). Em poucas palavras, a rainha, acompanhada de um número de operárias deixam o apiário em busca de um novo ninho. Este grupo de abelhas (a rainha, acompanhada das suas operárias fiéis) provavelmente irá descansar em um galho de uma árvore próxima, mas em breve encontrará um novo ninho e sossegará e continuará seu ciclo de vida. Enquanto isso, na colmeia existem abelhas suficientes e algumas células da rainha, do qual serão geradas novas rainhas. Se o apicultor não intervém, a mais forte dessas rainhas vai emergir e finalmente prevalecer (por picadas e matando todas as rainhas rivais) e se tornar a nova rainha. A enxameação não é nada do qual as abelhas ou o apicultor deva ser acusado. As abelhas são geneticamente programadas para o enxame, quando elas encontram as condições adequadas para fazer isso. Sem a enxameação, as abelhas não teria sobrevivido por milhares de anos, antes da sua domesticação pelos seres humanos. No entanto, a enxameação descontrolada cria problemas para o apicultor, porque a população da colmeia (e, consequentemente, a produção) é reduzida em 50% ou mais. Todos os apicultores devem analisar as maneiras para evitar a enxameação ou tirar proveito de um enxame em condições controladas. Mesmo os apicultores mais experientes veem algumas de suas abelhas em enxames todos os anos.

Existem várias medidas antienxame. Alguns apicultores grampeiam uma asa da rainha, para que ela não possa voar (uma técnica antiga mas com apoioadores fanáticos até hoje). Outros reorganizam a colmeia e diminuem a população das abelhas, para que a rainha possa se comunicar melhor com todos as operárias através dos feromônios. Um dos fatores mais comuns que desencadeiam o enxame é a redução da produção de feromônio por uma rainha velha. Assim, muitas abelhas operárias não ouvem ou se recusam a aceitar as ordens da rainha. Isso é muitas vezes exacerbado quando as abelhas estão lotadas dentro da colméia e a ventilação é fraca. A rainha está então frustrada com a incapacidade de controlar e motivar a colméia, de modo que escapa para criar uma nova sociedade menor, constituída por poucas abelhas operárias, porém leais e “fiéis”. Assim, mais uma vez, ter uma rainha próspera e jovem (até 2 anos) na nossa colméia irá evitar muitos problemas. A prevenção da superlotação e congestionamento das abelhas e melhoria da ventilação dentro da colméia também são técnicas necessárias nas quais o apicultor pode ser pró-ativo e evitar o enxame.

No geral, as colmeias com enxameação não armazenam mel suficiente que possa ser coletado pelo apicultor, nem oferecem um bom serviço de polinização nas lavouras próximas. Além disso, o apicultor corre o risco de não conseguir detectar ou capturar o enxame. Em vez de esperar pela formação do enxame e depois persegui-lo, nós podemos criar cuidadosamente as condições adequadas que irão promover a separação de uma única colônia em duas, em condições controladas e antes do enxame natural ocorrer. Neste caso, nós vamos nos beneficiar do enxame controlado, dividindo a colônia, enquanto evitamos riscos. Nós podemos cuidadosamente colocar uma colmeia vazia próxima à qual queremos dividir. Nós removemos metade dos quadros da colmeia velha (mas não aqueles com a rainha) e transferímos para a nova (deve haver 2 ou 3 quadros com ninhadas abertas e seledas, bem como ninhadas do mesmo dia). A configuração deve ser de fora para dentro: ninhada de mel e pólen. Nós transferímos a nova colmeia “órfã” para o local desejado e deixe a porta aberta. Em cinco dias, nós verificamos as “células da rainha” e nós deixamos apenas 2. Nós adicionamos comida. Nós verificamos se a colmeia velha (na qual deixamos a rainha) se desenvolve normalmente. Claro, essas instruções são simplificadas e tais movimentações complexos requerem alguma experiência. É melhor ser acompanhado por um apicultor experiente durante seus primeiros esforços para divisão.

Você pode enriquecer este artigo deixando um comentário ou uma foto dos seus métodos de controle de enxame.

1.) Apicultura para Iniciantes

2.) Sociedade das abelhas

3.) Como as abelhas fazem o mel?

4.) Material para Apicultura

5.) Abelha – Escolha do Local

6.) Como alimentar as abelhas

7.) Enxameação das Abelhas

8.) Preparação das Colmeias para o Inverno

9.) Extração de mel

10.) Pragas e Doenças Comuns das Abelhas

11.) Principais Pragas das Abelhas

12.) Principais Doenças das Abelhas

13.) Envenenamento das Abelhas por Pesticidas

14.) Apicultura – Perguntas e Respostas

Você tem experiência em Apicultura? Por favor, compartilhe sua experiência, métodos e práticas nos comentários abaixo.

Todo o conteúdo que você adicionar será revisado brevemente pelos nossos engenheiros agrônomos. Uma vez aprovado, ele será adicionado ao Wikifarmer.com e influenciará positivamente milhares de agricultores novos e experientes em todo o mundo.

Esta publicação também está disponível em: English Español Français العربية Deutsch Русский Ελληνικά Türkçe हिन्दी Tiếng Việt Indonesia

Equipe Editorial do Wikifarmer
Equipe Editorial do Wikifarmer

Wikifarmer é a maior Biblioteca de Agricultura Online Gerada pelo Usuário, que ajuda todos os agricultores em todo o planeta a encontrar informações valiosas sobre suas culturas existentes ou potenciais e criação de gado. O usuário é o único responsável pelo uso, avaliação, análise e utilização de qualquer informação fornecida neste site. Qualquer negócio ou outras decisões tomadas em tais informações é de inteira responsabilidade do usuário e o Wikifarmer.com não é obrigado a cobrir prejuízos decorrentes do uso das informações fornecidas através deste site.