Gerenciamento de Nutrientes em Culturas de Arroz – Fertilização da Planta do Arroz

Rice Farming

Primeiro de tudo, você tem que levar em consideração a condição do solo do seu campo através do teste de solo semianual ou anual, antes de aplicar qualquer método de fertilização. Não existem dois campos iguais, assim como ninguém pode te aconselhar sobre métodos de fertilização sem levar em consideração os resultados dos testes feitos no seu solo, análise de tecido e histórico de culturas do seu campo. Entretanto, vamos listar os planos mais comuns de fertilização de arroz, usados por uma quantidade considerável de fazendeiros.

Um plano comum de fertilização de arroz que é usado por uma grande quantidade de fazendeiros de arroz envolve 2 grandes aplicações de fertilizante: A primeira aplicação acontece praticamente ao mesmo tempo tanto com a plantação quanto com a transplantação (ou cerca de 20 dias depois) e a segunda acontece cerca de 45-60 dias após a primeira aplicação. A maioria dos fazendeiros aplica 0,5 toneladas de N-P-K 30-10-10 por hectare no dia da semeadura/plantação (ou 20 dias depois). Cerca de 45-60 dias após a primeira aplicação, eles aplicam 0,2-0,3 toneladas de N-P-K 40-0-0 ou 33-0-0 por hectare. Tenha em mente que 1 ton = 1000kg = 2000lbs e 1 hectare = 2,47 acres = 10.000 metros quadrados.

Entretanto, esses são apenas padrões comuns que não devem ser seguidos sem fazer sua própria pesquisa. Cada campo é diferente e requer diferentes cuidados. Suas plantas de arroz podem ou não render mais após a aplicação de fertilizantes. Você pode buscar o conselho de um agrônomo licenciado após fazer a análise do solo.

O nitrogênio é o nutriente mais restritivo para a produção do arroz. O nitrogênio é muito importante para aumentar a altura da planta, o tamanho da folha, o número de panículas e para um maior rendimento por hectare. O arroz precisa de nitrogênio para desenvolver um número adequado de panículas. O período crucial em que muitos fazendeiros aplicam N é duas semanas após o transplante ou 21 dias após a semeadura.

Além disso, muitos fazendeiros fazem aplicações de N antes do semeio e alagamento do campo. A aplicação de nitrogênio pode ser feita em solo seco que deverá ser irrigado imediatamente. De forma alternativa, podemos completá-lo e alagar o campo após 3 a 5 dias. Uma aplicação antecipada também pode ser feita na forma de amônio. Nós podemos aplicá-lo direto no solo seco, logo antes do procedimento de alagamento. Nós devemos levar em consideração que assim que aplicarmos antecipadamente o N, o campo deverá ser alagado em 5 dias. O alagamento normalmente integra o N no solo e o protege de perdas. Entretanto, tenha em mente que cada campo é diferente e possui necessidades diferentes.

Deficiência em Nitrogênio

Um dos problemas mais comuns na produção do arroz é a deficiência em Nitrogênio. Ela normalmente ocorre durante fases cruciais do crescimento (desenvolvimento da panícula), quando a planta precisa de uma quantidade maior de nitrogênio.

Nós podemos identificar essas deficiências por uma intensa descoloração das plantas. Nós podemos administrar as deficiências de nitrogênio seguindo as medidas abaixo.

  • Aplicação de fertilizante eficiente em N.
  • Espaçamento suficiente da planta é necessário.
  • Gerenciamento adequado da água. Vários fazendeiros dizem que seus campos deveriam ser alagados de forma contínua.
  • O controle de ervas daninhas que competem com o arroz pelo N (muito importante).
  • Sugere-se a consulta a um agrônomo local licenciado.

Excesso de Nitrogênio

A aplicação de nitrogênio em quantidades suficientes ajuda o arroz a crescer mais rápido e nos fornece grãos de alta qualidade. Entretanto, muitos fazendeiros aplicam uma quantidade maior do que a que o arroz precisa. O uso excessivo de nitrogênio pode levar a um rico crescimento, o que atrai várias pestes. Alguns fazendeiros reconhecem o excesso de nitrogênio ao olhar para as folhas. Na maioria dos casos, elas têm uma coloração verde anormal. Além disso, as plantas podem apresentar hastes finas. Fazendeiros normalmente previnem o excesso de nitrogênio ao analisar a consistência do nitrogênio no solo e, então, aplicam N suficiente para atender à necessidade das plantas de arroz.

Fósforo (P)

O fósforo é muito importante nos primeiros estágios de crescimento das plantas de arroz. Ele contribui com o desenvolvimento de raízes fortes. O pH do solo tem um grande papel na disponibilidade de P. Vários fazendeiros de arroz dizem que a disponibilidade ideal de fósforo para o arroz acontece quando o pH do solo está abaixo de 6,5 (pergunte a um Agrônomo profissional certificado).

Potássio (K)

O potássio (K) também é muito importante para alcançar bons rendimentos de arroz. O potássio (K) contribui para a resistência a doenças da planta, alargamento e engrossamento da raiz, durabilidade da folha, iniciação e desenvolvimento da panícula. As deficiências em potássio têm um grande impacto no crescimento da planta. Fazendeiros de arroz experientes dizem que eles podem identificar essas deficiências pelos seguintes sintomas.

  • Manchas pretas em folhas velhas. Plantas verde escuro com folhas amareladas ou amarronzadas.
  • As folhas nas partes inferiores da planta tendem a se dobrar para baixo.
  • As folhas nas partes superior são curtas, com um verde apagado.
  • Manchas necróticas nas panículas.
  • Raiz em condição pouco saudável. Raízes são pretas com menor densidade e tamanho.
  • Murchamento precoce das folhas.

Fazendeiros experientes podem lidar com esses problemas ao seguir as medidas abaixo.

  • Usando sementes de alta qualidade com resistência suficiente à pestes e doenças.
  • Aplicação apropriada de N e P, evitando o uso excessivo.
  • A consulta à um profissional local licenciado é essencial.

Entretanto, esses são apenas padrões comuns que não devem ser seguidos sem fazer sua própria pesquisa. Cada campo é diferente e requer diferentes cuidados. Suas plantas de arroz podem ou não render mais após a aplicação de fertilizantes. Você pode buscar o conselho de um agrônomo licenciado após fazer a análise do solo.

Wiki da Planta de Arroz – Informações e Usos

Cultura do arroz – Tudo que você precisa saber

Arrozal e Preparo de Solo

Plantação de Arroz, Requisitos do Semeio – Taxa da Semente do Arroz

Gerenciamento de Nutrientes em Culturas de Arroz – Fertilização da Planta do Arroz

Pragas e doenças do Arroz

Colheita, Rendimento por Hectare e Armazenamento do Arroz

Você tem experiência em plantar arroz? Por favor, compartilhe sua experiência, métodos e práticas nos comentários abaixo. Todo o conteúdo que você adicionar será analisado em breve por nossos agrônomos. Assim que aprovado, ele será adicionado à Wikifarmer.com e isso irá influenciar positivamente milhares de fazendeiros novatos e experientes por todo o mundo.

Esta publicação também está disponível em: enEnglish esEspañol frFrançais arالعربية deDeutsch ruРусский elΕλληνικα trTürkçe hiहिन्दी idIndonesia

Equipe Editorial do Wikifarmer
Equipe Editorial do Wikifarmer

Wikifarmer é a maior Biblioteca de Agricultura Online Gerada pelo Usuário, que ajuda todos os agricultores em todo o planeta a encontrar informações valiosas sobre suas culturas existentes ou potenciais e criação de gado. O usuário é o único responsável pelo uso, avaliação, análise e utilização de qualquer informação fornecida neste site. Qualquer negócio ou outras decisões tomadas em tais informações é de inteira responsabilidade do usuário e o Wikifarmer.com não é obrigado a cobrir prejuízos decorrentes do uso das informações fornecidas através deste site.